Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Pitty é a atração musical da semana no ‘Estúdio Móvel’
16/05/2011 - 11h34m

Pitty é a atração musical da semana no ‘Estúdio Móvel’

No Cantinho, Márcio Libar e, no Trampo, o stand-up paddle

Pitty é a atração musical da semana no ‘Estúdio Móvel’

Pitty fala do seu mais novo CD e da carreira


Iranei Barreto e Assessoria de Comunicação/EBC-TV Brasil


A atração musical do Estúdio Móvel desta semana é a cantora Pitty. Na primeira parte da entrevista, que vai ao ar nesta segunda (16), às 18h, na TV Educativa de Alagoas (TVE), Liliane Reis visita o estúdio do baterista da banda, onde foi gravado o disco dela mais recente Chiaroescuro. Pitty conta como foi a primeira vez que ela chegou a São Paulo. As duas baianas relembram a época em que a cantora lançou sua primeira banda Inkoma. Pitty, que já recebeu vários prêmios no MTV Video Music Brasil, ainda comenta a entrega do prêmio Troféu Imprensa.


No Cantinho, o convidado é o ator e palhaço Márcio Libar. O encontro foi na sede do Teatro do Anônimo, na Fundição Progresso, no Rio de Janeiro. Libar foi um dos fundadores do Teatro e, apesar de ser mais integrante do grupo, eles realizam juntos o evento internacional “Anjos do Picadeiro”. Márcio também fala da oficina ministrada por ele, reconhecida internacionalmente, ‘A nobre arte do palhaço’. Na sua opinião, a oficina tem o mito de mudar a vida das pessoas. Tanto que o ator Bruno Mazzeo chama ele de ‘o guru espiritual da comédia carioca”. Bruno participou da oficina assim como Marcelo Adnet.


No Trampo, o trabalho do professor de stand-up paddle Cláudio Mello.O esporte originário do Havaí está ganhando força no Brasil e consiste em surfar em pé na prancha utilizando uma espécie de remo.


Teaser desta edição do programa: http://www.youtube.com/watch?v=MNa4ielRd8M&feature=player_embedded

Sobre o programa: Estúdio Móvel é o programa da TV Brasil voltado para o público jovem. Apresentado por Liliane Reis, a produção busca um retrato do jovem urbano e contemporâneo. Para isso, o tradicional estúdio fisicamente limitado foi transformado em algo móvel. E desse conceito novo surgiu a ideia do nome, um estúdio que pudesse ir às ruas: Estúdio Móvel. As entrevistas acontecem em cenários do cotidiano como ônibus, praças, exposições, praias, onde o convidado estiver.



Ações do documento