Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Observatório da Imprensa debate Magistrados x CNJ
04/10/2011 - 14h11m

Observatório da Imprensa debate Magistrados x CNJ

Em debate, a questão do poder do Conselho Nacional de Justiça de investigar magistrados

Iranei Barreto e Ascom/EBC-TV Brasil


Está nas mãos do Supremo Tribunal Federal (STF), a decisão sobre uma disputa entre o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e a Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB).


A AMB é contrária à decisão do CNJ, de regular o procedimento a que são submetidos juízes acusados de terem cometido irregularidades, e diz que o Conselho não tem competência para tratar do assunto. A posição dos magistrados recebeu duras críticas, tanto da Corregedoria de Justiça, como da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).


O Observatório da Imprensa desta terça (4), às 22h, vai debater o tema, a partir dos recentes episódios de cerceamento da liberdade de expressão no Brasil, ocasionados por decisões judiciais. Entre elas, a censura ao jornal O Estado de São Paulo, que já dura dois anos. O programa vai ao ar em Alagoas pela TV Educativa (TVE).


Para discutir a polêmica, que está ocupando diariamente as manchetes dos jornais, o programa recebe o advogado e jornalista Maurício Azêdo (presidente / ABI);  o advogado Ofhir Cavalcante (Presidente Nacional / OAB); e o jornalista João Bosco Rabello (O Estado de São Paulo). O programa ainda ouviu a opinião dos juristas Dalmo Dallari e José Paulo Cavalcanti; do jornalista Chico Otávio (O Globo); e de Pedro Gontijo – Secretário Executivo / CBJP (Comissão Brasileira de Justiça e Paz).

Ações do documento