Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Museu Vivo da Memória Candanga
05/02/2013 - 06h16m

Museu Vivo da Memória Candanga

Espaço é destinado a preservar a história da construção da capital nacional

Museu Vivo da Memória Candanga

Interior do Museu Vivo da Memória Candanga

Kaká Marinho e Assessoria de Comunicação/EBC-TV Brasil

A construção de Brasília atraiu gente de todos os cantos do país. Para erguer a Capital Federal, no meio do cerrado, foram necessários muitos braços. Nordestinos, nortistas, mineiros, cariocas e sulistas chegaram com as bagagens cheias de esperança em um futuro promissor, mas também carregadas de suas tradições e culturas.

A instalação provisória desses migrantes foi em acampamentos. O maior e mais importante deles, embrião da nova capital, foi o Cidade Livre, também conhecido como Núcleo Bandeirante. Construído em apenas dois meses, sua inauguração aconteceu em 1957.

É neste local, às margens da BR-040, onde funciona, desde 1990, o Museu Vivo da Memória Candanga. O Conhecendo Museus desta terça (05), às 16h30 na TVE, viaja até a capital do país e explora o espaço histórico, para desvendar o acervo, que é composto não só pelas edificações históricas, com sua alameda de casas de madeiras coloridas, mas também de peças, objetos e fotos da época da construção da nova capital.

Cinco coleções compõem a exposição permanente. A do HJKO reúne, além do próprio conjunto arquitetônico e paisagístico, documentos, móveis e equipamentos hospitalares, remanescentes do Hospital. É composta também por utensílios como esterilizador, geladeira e incubadora.

A coleção Mário Moreira Fontenelle registra a construção de Brasília passo a passo. Já a coleção Seu Pedro de Oliveira Barros contempla peças de arte popular produzidas pelo artista, que era natural do Maranhão. Enquanto isso, a coleção Artesanato e Arte Popular veio do acervo do Museu de Arte de Brasília (MAB). É formada por peças de várias regiões do país, mas principalmente da região centro-oeste.

Por fim, a coleção Artesanato Renovado é composta pelas peças piloto produzidas em  um evento, no ano de 1996, junto a artesãos. Esta coleção mostra novas possibilidades produtivas e a mescla de linguagens ou de materiais.

o programa é uma produção da TV Brasil.

Ações do documento