Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Mariene de Castro solta a voz no Estúdio Móvel
31/01/2013 - 06h24m

Mariene de Castro solta a voz no Estúdio Móvel

A baiana viajou o mundo encantando o público e a crítica com a música brasileira

Mariene de Castro solta a voz no Estúdio Móvel

Mariene de Castro e Lili

Kaká Marinho e Assessoria de Comunicação/EBC-TV Brasil

A cantora Mariene de Castro conversa com Liliane Reis nesta quinta (31), às 17h na TVE, sobre caminhos, parcerias, o novo CD e a paixão pela maternidade. Nascida em Salvador, Mariene começou a carreira como vocal de apoio para o grupo Timbalada, com Carlinhos Brown e Márcia Freire, mas o talento da baiana fez ela percorrer o mundo. Viajou para França, e lá se apresentou em mais de 20 cidades encantando o público e a crítica.

Mariene foi também beber em uma fonte que a música brasileira reverencia: a cidade de Santo Amaro da Purificação, terra de Caetano Veloso e Maria Bethania. Na entrevista, ela relembra os projetos, os prazeres e as sabedorias que colheu da região.

De Santo Amaro, a cantora herdou também a arte de Dona Edith, a sambista que ritmava a música tocando prato. “Foi uma experiência rica na minha carreira. Era o mesmo que estar ouvindo a história do samba da Bahia”, conta Mariene.

Em outra conversa, Gustavo Bicalho e Henrique Gonçalves, diretores da Cia Artesanal de Teatro, falam de sua iniciiativa que investe em uma linguagem inovadora e contemporânea desde 1995.

O foco do trabalho da companhia está na pesquisa e na convergência de linguagens narrativas com o uso de bonecos, sombras, máscaras, canto, cinema e videografismos, colocando sempre o ator como elemento principal da encenação.

Além disso, o Estúdio Móvel vai ao encontro de Arthur Pessoa, vocalista da banda Cabruêra, um grande expoente da música paraibana. Formado no alto da Serra da Borborema, o grupo bebe em variadas fontes, desde os ritmos regionais como o coco, a ciranda, o forro, o maracatu e o samba até a pegada urbana do rock, do funk e da música eletrônica.

Lili mergulha ainda no universo imagético do fotógrafo e jornalista Augusto Pessoa, que já espalhou suas lentes por diversas partes do mundo. O Nordeste Desvelado dá nome ao seu trabalho fotográfico, que revela um universo povoado de tradição e conhecimento.

O programa é uma produção da TV Brasil.

Ações do documento