Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Edição de 2013 do programa IZP na Folia se despede com Frevo
13/02/2013 - 13h10m

Edição de 2013 do programa IZP na Folia se despede com Frevo

Edição de 2013 do programa IZP na Folia se despede com Frevo


 

 Iranei Barreto 
A última edição de 2013 do programa IZP na Folia foi ao ar na última sexta-feira, dia 08, com uma homenagem ao FREVO e apelo às autoridades e a população para que em 2014 Maceió tenha carnaval. O programa contou com a participação de Braga Lyra, um dos diretores do bloco Pinto da Madrugada, e exímio defensor do Frevo. Também participou do programa o Diretor-presidente do Instituto Zumbi dos Palmares, jornalista Marcelo Sandes, que falou sobre a edição de 2013 do projeto IZP na Folia, que está em sua 3ª edição.
 


Para 2014, o jornalista Marcelo Sandes, se comprometeu a sentar com a equipe do projeto para avaliar as demandas discutidas ao longo das 15 edições do programa e planejar a 4ª edição do IZP na Folia.
 
O programa contou ainda com a participação do médico e diretor da Seresta da Pitanguinha, Emmanuel Fortes, que também fez seu apelo para que em 2014 a Folia de Momo volte a reinar na capital alagoana. O pesquisador Ivan Barsand também esteve na última edição de 2013 do programa e falou um pouco da importância e história do frevo.
 
Para o apresentador do IZP na Folia, Marcos Guimarães, o programa é de fundamental importância para o resgate do carnaval de Maceió. “Que em 2014 Maceió tenha o carnaval que busca e merece”, ressalta.
 
Por telefone, os foliões Givaldo Kleber e Eraldo Ferraz, este último porta-estandarte do Pinto da Madrugada e Galo da Madrugada, também fizeram suas despedidas e comentaram a animação presente no vizinho estado de Pernambuco, onde se encontravam para pular o autentico frevo.
 
null
Diretor-presidente do IZP, jornalista Marcelo Sandes
O Comodoro do Tênis Clube, Leonardo Pinto, também participou do programa para explicar os motivos da não realização do Carnaval do Tênis, que deveria acontecer no Sábado de Zé Pereira, dia 09.
 
null
Edson Silva, Braga Lyra, Marcos Guimarães, Ivan Barsand
 e Iranei Barreto
O programa contou também com um vasto repertório musical contemplando os mais diversos tipos de frevo, prestigiando assim interpretes e compositores alagoanos e também de outros estados. O foi reconhecido pela UNESCO, em 2012, Patrimônio Imaterial da Humanidade e este também foi um dos assuntos do programa.
 

Excepcionalmente, em 2013, o programa “IZP NA FOLIA” teve CINCO edições a mais, nas duas edições anteriores o programa parava junto com as prévias carnavalescas da capital. A demanda foi uma solicitação dos ouvintes, atendida pela equipe do programa. Outra novidade desta edição é que o programa além de ganhar mais meia hora, foi exibido em cadeia pela Rede de Rádios Educativas de Maceió, Arapiraca e Porto Calvo e reexibido em horário especial, às 13 horas, pela Difusora. Além disso, o programa realiza desde 2012, uma de suas edições aberta ao público no Linda Mascarenhas aos moldes dos antigos programas de auditório. Este ano, o programa contou com a participação especial da Filarmônica Raul Ramos de Pilar, com Wilson Santos e o Batuque Yá, e performance do bailarino Gin Santos.  
null
Programa realizado no Linda Mascarenhas
Ao longo de 15 edições, cada uma tratando de um tema específico, o programa IZP na Folia destacou questões importantes sobre o carnaval alagoano abrindo espaço para que os blocos carnavalescos tanto do interior como da capital, pudessem contar um pouco da sua história; resgatou histórias dos antigos carnavais, de figuras carnavalescas, mostrou um pouco da contribuição dos blocos afro-alagoanos e a situação atual das escolas de samba de Alagoas.
 
null
Animação dos convidados do programa de auditório 
O IZP na Folia fez ainda homenagens especiais ao radialista e compositor de frevo Edécio Lopes; aos maestros e maestrinas de Alagoas; e aos blocos aniversariantes Filhinhos da Mamãe e Pecinhas de Maceió, que comemoram este ano 30 anos de folia e o bloco Turma da Rolinha, que comemorou 15 de existência em plena avenida.
A apresentação é pelo terceiro ano consecutivo do jornalista Marcos Guimarães, produção da Ascom/IZP, produção musical de Givaldo Kleber, trabalhos técnicos de Edson Silva, colaboração de Isaac Neves, Bruno Menezes. O IZP na Folia contou com o apoio da Secretaria de Estado da Comunicação, bloco Turma da Rolinha e Ornato Box.
 
Para os que ficaram com saudade, a edição de 2013, junto com as edições de 2011 e 2012, já estão disponíveis e podem ser conferidas a qualquer momento, basta clicar.
Ações do documento