Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Comentário Geral fala sobre porta
07/02/2013 - 06h18m

Comentário Geral fala sobre porta

Portais na internet e redes sociais abrem novas oportunidade na vendas de produtos

Comentário Geral fala sobre porta

Luiza Sarmento apresenta o programa

Kaká Marinho e Assessoria de Comunicação/EBC-TV Brasil

Porta de correr, porta-deslizante, porta-voz, porta de barro, "de porta em porta". Quem nunca ouviu a expressão burra como uma porta?. A palavra do Comentário Geral de hoje (07), às 18h30 na TVE, é porta. Para falar sobre as diferentes maneiras de empregar a palavra o programa traz convidados com histórias bem interessantes. Um deles é o Dr Paulo Amarante, professor de saúde Mental da Fiocruz, que explica como é o tratamento manicomial de portas abertas. Este tipo de tratamento não deixa o paciente preso na instituição psiquiátrica. Mostra as vantagens e os resultados do convívio do deficiente com a sociedade.

Wanderley Rabello Filho, diretor da OAB-RJ, comenta sobre o advogado "porta de cadeia." Arte de portas abertas, da artista visual Regina Marconi, foi inspirado nos eventos de portas abertas. A iniciativa, realizado desde 1996, no mês de julho, já faz  parte do calendário oficial do Rio e é uma tradição em toda Europa. Na música, a banda norte-americana The Doors  é o assunto dos músicos Marcelo Reia, Fernando Junior, Roberto Soares e Marcos Bombom. Eles comentam sobre a trajetória do grupo fundado em 1965, tendo como líder Jim Morrison.

Para falar sobre "Namorinho de Portão", o programa convidou Érika Martins, da banda Penélope. "Namorinho do Portão" foi tema da música regravada por ela, de Tom Zé. A cantora lembra e compara o jeito de namorar no passado e o de hoje. Ressalta como podemos chamar hoje o "namorinho do portão", por meio da internet. Coordenador do Centro de Desenvolvimento de Pessoas da ESPM-RJ, Joyce Ajuz, também entra neste assunto tecnológico E explica que é possível abrir as portas do mercado de trabalho por esse meio, mas que para isso é preciso abrir a janela certa. O ex-diretor de gravadora e dono do estúdio Nas Nuvens e renomado produtor musical Liminha revela como era e como é "bater de porta em porta" para divulgar o trabalho do artista. Ele explica o que mudou a partir da internet e mais recentemente com as redes sociais.

O jornalista Jorge Duarte, um dos organizadores do livro No Planalto com a Imprensa, mostra como o trabalho de um profissional que tem muitas histórias para contar, por participar de muitos momentos históricos: o porta-voz. Para finalizar o professor de marketing da ESPM, Vitor Pires fala sobre mascate ou vendedor viajante, que há menos de 40 anos ainda existia. Um profissional de vendas que percorria o interior do país com suas mercadorias, vendendo-as de porta em porta. Com a sofisticação do mercado, surge o vendedor profissional. Hoje uma empresa pode ir em milhões de casas e vender seus produtos em "portais na internet".

o programa é uma produção da TV Brasil.

Ações do documento