Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Beleza é assunto do ‘Comentário Geral’ desta quarta
12/07/2011 - 11h17m

Beleza é assunto do ‘Comentário Geral’ desta quarta

Convidado fala quando a vaidade pode ameaçar a saúde e se há limites para alterar a própria imagem.

Beleza é assunto do ‘Comentário Geral’ desta quarta


Iranei Barreto e Assessoria de Comunicação/EBC-TV Brasil


A palavra do Comentário Geral desta quarta (13), às 19h30, é beleza. O que diferencia o belo do feio? A beleza está relacionada à percepção de elementos que agradam de maneira singular aquele que a experimenta. Será que se reduz uma proporção matemática? Ela se encontra no que vemos ou é constituída por nossos olhos? Na realidade, suas formas são inúmeras, por isso é tão difícil se ter alguma explicação científica sobre o que é ser belo. O programa é produzido pela TV Brasil e exibido em Alagoas pela TV Educativa (TVE).


No ocidente, do século XIX, as mulheres mais gordinhas se destacavam como modelo de beleza. Duzentos anos depois, há um culto à magresa. No mundo da beleza, como na física de Einstein, tudo é muito relativo. Afinal, como dizia o filósofo Voltaire: “Para o sapo o ideal de beleza é a sapa”. Segunda a escritora Adélia Prado, “beleza não é luxo. É uma necessidade!” E a beleza está em qualquer lugar. Em todos os seres. Ela é comum, exótica, é musa da bossa nova e do Comentário Geral.


O programa trás convidados como o antropólogo e coordenador do Observatório da escola de moda do Senai/ Cetiqt, Marcelo Silva Ramos. Ele explica as principais mudanças no padrão de beleza ocidental, cita diferentes padrões de beleza pelo mundo e como esses padrões se relacionam com o que era valorizado socialmente em sua época.


O compositor Roberto Menescal, fala sobre a exaltação da beleza natural do Rio, das mulheres ou do amor, do papel da beleza para a bossa nova e da beleza como musa de Vinícius de Moraes. O diretor da rádio Saara, Luiz Antonio Bap, conta como surgiu a ideia da Garota da Laje. O concurso acontece desde 2006 e cada ano se torna mais popular. Tem como intuito eleger a mulher mais bonita das favelas do Rio de janeiro, e ocorre na Passarela Praça do Mascate.


A final acontecerá numa passarela a ser montada nesta mesma praça, nas ruas do Saara (Sociedade dos Amigos da Rua da Alfândega e Adjacências), região que reúne centenas de lojas do comércio popular do Centro do Rio. O diretor também fala como foi a procura, qual o perfil de beleza das candidatas, quais os prêmios oferecidos e a diferença desse concurso de beleza para os outros.


O cirurgião plástico, Paulo Muller, explica em que situações a plástica é indicada, os motivos que fazem as pessoas buscarem a cirurgia plástica ,quando a vaidade pode ameaçar a saúde e se há limites para alterar a própria imagem. Além disso o doutor conta um caso que tenha vetado a cirurgia e o que significa beleza para ele.


Para ressaltar o que é beleza exótica, ninguém melhor que Elke Maravilha. A atriz fala qual é o papel da beleza em sua vida, como é viver de beleza. Diz se já sofreu preconceitos por ser muito bonita e como virou um símbolo de beleza exótica. Finalizando, Angela Ancora da Luz, historiadora e crítica de artes, comenta sobre a relação entre a matemática , a proporção das formas e a beleza , e indaga o que são relações áureas.

Ações do documento