Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Autor por Autor desta semana apresenta vida e obra de Ana Miranda
04/05/2011 - 09h50m

Autor por Autor desta semana apresenta vida e obra de Ana Miranda

Complementando o painel de grandes escritores em atividade

Autor por Autor desta semana apresenta vida e obra de Ana Miranda

 

Iranei Barreto Assessoria de Comunicação/EBC-TV Brasil

Autor por Autor desta sexta (06) constrói um painel da vida e da obra da escritora Ana Miranda e ilustra seus labirintos imaginários, mostrando partes de sua infância e as mudanças que fez com a família pelo Brasil. Relembra, ainda, seu fascínio por diários, quando criança, e faz disso uma ponte para explicar sua admiração pela obra de Lewis Carrol. O programa é uma produção da TV Brasil e, em Alagoas vai ao ar às 22h, pela TV Educativa de Alagoas (TVE).

 As várias experiências que realizou na vida, primeiro como pintora, depois como poeta, até definir-se como romancista também são revividas na trajetória de Ana, que destaca a importância do escritor Rubem Fonseca em sua obra, especialmente na execução de Boca do Inferno.

“Ela era uma menina muito calada, reservada. Pequenina, foi para o Rio de Janeiro e depois para Brasília”, disse a mãe da escritora, interpretada pela atriz Claudia Ohana, que faz também sua irmã, a narradora e as personagens Oribella (Desmundo), e Yuxin (romance que leva o mesmo nome). Ainda no elenco estão a premiada Leova Cavalli, na pele da própria Ana Miranda, e o ator Hélio Cícero, nos papéis Gregório de Mattos e Augusto dos Anjos.

Ana Miranda nasceu em 1951, em Fortaleza, no Ceará. Parte de sua infância e juventude passou em Brasília (1959-1969) e, depois, mudou-se para o Rio de Janeiro. Sua vida literária teve início em 1978, com a publicação de um livro de poesias. Seu primeiro romance, Boca do Inferno, foi publicado em 1989, obra que já foi traduzida nos Estados Unidos, Inglaterra, França, Alemanha, Itália, Espanha, Suécia e Holanda, entre outros países. Recebeu o Prêmio Jabuti de Revelação em 1990. Escreve roteiros cinematográficos, ensaios e resenhas críticas para jornais e revistas, além de realizar palestras em universidades e outras instituições.

Os próximos homenageados do programa serão Carlos Heitor Cony, Ignácio de Loyola Brandão, Ariano Suassuna, Ferreira Gullar, entre outros.

 

Ações do documento